Renan da Mata, líder evangélico, tem grandes chances de ser Deputado Estadual em São Paulo

Renan da Mata
Renan da Mata

Sendo ex-superintendente no Distrito Federal da Secretaria de Coordenação e Governança do Patrimônio da União, o líder evangélico Renan da Mata se insere no contexto político com apoio de Jair Bolsonaro. Para quem ainda sabe pouco da sua carreira profissional, Renan foi secretário-geral do PSC no Paraná e foi indicado pelo atual presidente do Brasil para a área regional da antiga SPU — Secretaria do Patrimônio da União —, no Distrito Federal. Devido a sua reputação nos cargos que já atuou, o político é um possível candidato a deputado estadual em São Paulo.

Quem é Renan da Mata?

Renan da Mata

Cristão evangélico e casado, Renan da Mata se inseriu no meio político como assessor de vereadores, sempre atuando em defesa da família. Além disso, trabalhando desde muito jovem para garantir o sustento dentro de casa, o pré-candidato é ex-cortador de cana e também já trabalhou em câmara fria. Nasceu em 1974 em Rio Verde, cidade goiana onde passa o Rio São Francisco e finaliza a BR que corta o Brasil.

Sua vida se resumia em faltar na escola para fazer um trabalho rural que garantiria o sustento de sua família. Em uma entrevista para o canal DaniCast no youtube, Renan da Mata ressalta que foi uma época muito difícil e que por ser o mais velho entre os 10 irmãos, já se via como um provedor tendo apenas 10 anos de idade. 

Por isso, já aos 12 anos, Renan da Mata se mudou para São Paulo — realizando, assim, um grande sonho —, o que gerou uma mudança significativa na sua trajetória de vida. Desse modo, aos 14 anos, começou a trabalhar como “boia fria”, cortando cana e lidando com o impasse da fuligem que era muito presente nesse ambiente. 

Além disso, desde cedo, o pré-candidato é membro da Assembléia de Deus, e mediante sua fé, sempre teve expectativas em modificar suas condições de trabalho. Ademais, Renan da Mata afirma, em diversas entrevistas, que mesmo passando por problemas, sempre foi muito visionário, o que o auxiliou para que chegasse onde está.  

Como se encontra no cenário político?

Em 2020, o Diário Oficial da União (DOU), publicou sua nomeação como superintendente no Distrito Federal da Secretaria do Patrimônio da União (SPU), que foi assinada por Mauro Santana Filho — secretário adjunto do órgão. Sendo assim, Renan da Mata passou a ser responsável por todos os imóveis da União localizados na capital do país.
Conforme previsto na Receita Federal, Renan da Mata foi proprietário de uma empresa construtora especializada em terraplanagem, chamada Alianze X, todavia passou a direção da firma para o seu irmão, para que pudesse exercer o cargo de superintendente. Desse modo, tendo formação como administrador, o partidário já está de mudança para Brasília, além de que, por ser assessor do ex-deputado federal paranaense Hidekazu Takayama (PSC), mostrou-se ativo no ramo e se mostra habilitado para exercer o cargo político ao qual pretende candidatar-se.

Artigo anteriorO que se sabe sobre os casos de hepatite de causa desconhecida
Próximo artigoKiko Celeguim se destaca como promessa para Deputado Federal em São Paulo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui